Na manhã desta segunda-feira (29/01/18), um homem identificado como José Zildemar Maciel, 32 anos, foi assassinado a tiros, numa estrada vicinal do povoado Bananal, município de Governador Edison Lobão/MA. De acordo com informações policiais, a vítima foi alvejada com pelo menos 14 tiros de pistola ponto 40, quando saía de uma fazenda.

Os assassinos, dois homens, estavam desde cedo num barzinho próximo ao local do crime, esperando a vítima. Ele foi atingido ao descer do carro para fechar a cancela, sendo surpreendido a tiros pelos pistoleiros que estavam em outro veículo.
José Zildemar Maciel

A vítima ainda correu, mas foi alcançada pelos assassinos. O homem caiu logo em seguida e recebeu mais disparos, morrendo na hora. Os suspeitos fugiram logo em seguida. A família não soube informar as motivações do crime.

José Zildemar também conhecido por DIDIU é cearense de Tabuleiro do Norte. Estava há pouco tempo trabalhando em uma fazenda, local onde aconteceu o crime. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Imperatriz para os procedimentos legais.

Fonte: PM do Maranhão
A imagem pode conter: 1 pessoa

Tabuleirense é morto com cerca de 14 tiros no Maranhão

Na manhã desta segunda-feira (29/01/18), um homem identificado como José Zildemar Maciel, 32 anos, foi assassinado a tiros, numa estrada vicinal do povoado Bananal, município de Governador Edison Lobão/MA. De acordo com informações policiais, a vítima foi alvejada com pelo menos 14 tiros de pistola ponto 40, quando saía de uma fazenda.

Os assassinos, dois homens, estavam desde cedo num barzinho próximo ao local do crime, esperando a vítima. Ele foi atingido ao descer do carro para fechar a cancela, sendo surpreendido a tiros pelos pistoleiros que estavam em outro veículo.
José Zildemar Maciel

A vítima ainda correu, mas foi alcançada pelos assassinos. O homem caiu logo em seguida e recebeu mais disparos, morrendo na hora. Os suspeitos fugiram logo em seguida. A família não soube informar as motivações do crime.

José Zildemar também conhecido por DIDIU é cearense de Tabuleiro do Norte. Estava há pouco tempo trabalhando em uma fazenda, local onde aconteceu o crime. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Imperatriz para os procedimentos legais.

Fonte: PM do Maranhão
A imagem pode conter: 1 pessoa