Um crime bárbaro chocou moradores da Favela Luminosa, no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza. Um homem não identificado foi retirado à força de dentro de casa e foi executado em via pública. A execução foi filmada por membros de uma facção criminosa e divulgada em rede social, em um ato de exposição da violência que lembra a crueldade do Estado Islâmico. (Assista no vídeo acima. As imagens são fortes.)

Na filmagem, é possível ouvir vozes de comparsas estimulando o crime. "Cadê ele?"; "bota pra fora, macho, vai!"; "tá ali ele!". Enquanto o homem dispara os tiros, uma criança com fardamento escolar ouve e se assusta com os disparos.

Polícia chega rápido, mas não prende

Policiais chegam ao local do crime alguns segundos depois do assassinato. Ainda assim, ninguém foi preso. Os suspeitos fugiram em uma motocicleta. Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social afirma que o caso já estão a cargo do 32° Distrito Policial, em conjunto com a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A vítima não foi identificada, e a causa do crime ainda é desconhecida.
  • Loading...
"Os policiais já deram início aos trabalhos para identificar o grupo criminoso que aparece nas imagens. Informa ainda que a população também pode contribuir com os trabalhos policiais", diz a pasta, em nota.

A Secretaria de Segurança solicita ainda que, caso alguém reconheça os suspeitos, as denúncias podem ser feitas para o número 181, para o (85) 3101-6104, do 32º DP, ou para o número (85) 9.8956-3688, que é o Whatsapp da unidade, por onde podem ser feitas denúncias via ligação ou via mensagem. A denúncia pode ser feita de forma sigilosa, sem se identitifcar.
execução a bala em fortaleza

Homem é retirado à força de casa e é assassinado no meio de rua em Fortaleza

Um crime bárbaro chocou moradores da Favela Luminosa, no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza. Um homem não identificado foi retirado à força de dentro de casa e foi executado em via pública. A execução foi filmada por membros de uma facção criminosa e divulgada em rede social, em um ato de exposição da violência que lembra a crueldade do Estado Islâmico. (Assista no vídeo acima. As imagens são fortes.)

Na filmagem, é possível ouvir vozes de comparsas estimulando o crime. "Cadê ele?"; "bota pra fora, macho, vai!"; "tá ali ele!". Enquanto o homem dispara os tiros, uma criança com fardamento escolar ouve e se assusta com os disparos.

Polícia chega rápido, mas não prende

Policiais chegam ao local do crime alguns segundos depois do assassinato. Ainda assim, ninguém foi preso. Os suspeitos fugiram em uma motocicleta. Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social afirma que o caso já estão a cargo do 32° Distrito Policial, em conjunto com a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A vítima não foi identificada, e a causa do crime ainda é desconhecida.
  • Loading...
"Os policiais já deram início aos trabalhos para identificar o grupo criminoso que aparece nas imagens. Informa ainda que a população também pode contribuir com os trabalhos policiais", diz a pasta, em nota.

A Secretaria de Segurança solicita ainda que, caso alguém reconheça os suspeitos, as denúncias podem ser feitas para o número 181, para o (85) 3101-6104, do 32º DP, ou para o número (85) 9.8956-3688, que é o Whatsapp da unidade, por onde podem ser feitas denúncias via ligação ou via mensagem. A denúncia pode ser feita de forma sigilosa, sem se identitifcar.
execução a bala em fortaleza