© Copyright 2019 - | Todos os direitos reservados. Policial plantão polícia-190 | Responsável pelo portal Luciano Almeida

Pelo balanço mais recente das autoridades mexicanas, subiu para 73 o número de mortos na explosão de um oleoduto da empresa estatal Petróleos Mexicanos (Pemex) na cidade de Tlahueplilpan, no estado de Hidalgo. Segundo os dados, 74 pessoas ficaram feridas, a maioria por queimaduras graves.

A explosão ocorreu no momento em que várias pessoas tentavam furtar combustível de dutos. A suspeita é que o acidente foi motivado pela perfuração dos dutos. Havia mulheres e crianças no local.

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, e o governador de Hidalgo, Omar Fayad, concederam entrevista à imprensa conjunta. Obrador disse que há 59 órgãos do governo acompanhando o caso e mais de 300 pessoas envolvidas.

Segundo o presidente, as buscas vão continuar. Ele apelou para que a comunidade tenha “calma e tranquilidade”, pois ainda há desaparecidos no local.

De acordo com o governador, dos feridos, 24 pessoas são tratadas nos hospitais de Hidalgo, enquanto 50 foram transferidas para hospitais na Cidade do México, Estado do México, Querétaro e Guanajuato.

Omar Fayad considera ainda a possibilidade de transferência de crianças e adolescentes feridos para um hospital em Houston, Texas, nos Estados Unidos.

O furto de combustíveis no México se tornou um problema nacional. Na semana passada, o presidente da República concedeu entrevista na qual detalhou um plano de governo para combater este tipo de crime. Fonte DN
Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Loading...

Mostrar Comentários Não mostra os comentários

Disqus Comments
kkkk