Tecnologia do Blogger.

Últimas Notícias

Corinthians, ainda invicto depois da rodada do fim de semana

O Brasileirão já tem o campeão do primeiro turno. Na maioria das vezes, acaba como campeão no geral. Assim está o Corinthians, ainda invicto depois do clássico de hoje. Não muito satisfeito, é verdade. Vejam o resumo do domingo de futebol e o porquê da insatisfação alvinegra!

DRAGÃO SURPREENDE CHAPE E VENCE A PRIMEIRA FORA DE CASAO Atlético Goianiense conseguiu uma vitória de virada surpreendente, valendo a primeira como visitante no campeonato, animando-o na luta contra a degola. O Dragão venceu a Chapecoense por 2x1. Após o jogo, os donos da casa saíram vaiados pela má atuação, sobretudo no segundo tempo. No primeiro, o time saiu na frente com gol de cabeça de Luiz Otávio. Depois, os goianos pressionaram e conseguiram a virada, com Diego Rosa e Gilvan. Importante resultado, apesar do time continuar na lanterna, com 12 pontos. Seu próximo adversário é o Grêmio, no estádio Olímpico. A Chape volta a jogar em casa, contra o Bahia. Ambos os jogos na quarta.

SPORT SUPERA DESFALQUES, SE VINGA DO BAHIA E FICA NO G6 - Esse é o Sport arretado que está surpreendendo a todos neste campeonato. O time de Vanderlei Luxemburgo venceu com autoridade o Bahia por 3x1, quebrando um jejum de 28 anos sem vitórias na Fonte Nova. Significou ainda uma boa revanche, depois da derrota na final da última Copa do Nordeste. E isso sem seus principais jogadores, como Diego Souza e André, suspensos. Quem resolveu a parada foi o colombiano Reinaldo Lenis. O colombiano foi o dono do jogo, decidindo com passes para os gols de Everton Felipe e Ronaldo Alves, enquanto Rodrigão marcara para os baianos. Daí o camisa 7 resolveu marcar o gol para matar de vez a partida. Em sexto lugar com 27 pontos, o Sport joga a próxima rodada em casa, diante do Fluminense.

ESQUISITICES EM JOGO; GALO VOLTA A VENCER E ATRAPALHA VOLTA DE MARCELO OLIVEIRA - O Atlético Mineiro segue com as "esquisitices" no campeonato. Com péssimo aproveitamento como mandante, o mesmo não se pode dizer como visitante, chegando a sua quarta vitória nessa condição. O time venceu a primeira com Rogério Micale, por 2x0 em cima do Coritiba no Couto Pereira, melando o retorno do técnico Marcelo Oliveira ao alviverde. A arbitragem contestada de Wágner do Nascimento Magalhaes marcou a partida. Primeiro, dois pênaltis duvidosos a favor do Galo. O primeiro Fábio Santos converteu, mas no segundo Cazares parou em Wilson. Logo depois, um pênalti mais claro para o Coxa, mas que o juiz não assinalou. No segundo tempo, Rafael Moura deu números finais a partida. Na próxima rodada, o Atlético recebe o líder Corinthians, enquanto os paranaenses fazem duelo direto com o São Paulo, ambos na beira da zona.

QUE PECADO!!!

JOGÃO ENTRE TIMÃO E FLA TERMINA EM EMPATE GRAÇAS A ERRO GRAVE DE BANDEIRA ALVINEGRO É CAMPEÃO DO TURNO - O principal jogo da rodada foi movimentado do início ao fim, como tinha que ser o maior clássico inter-regional do país. Um empate justo (não tanto assim) para marcar esse Corinthians e Flamengo. Com o outro empate subsequente entre outros rivais de cima, Grêmio e Santos, o Corinthians conquistou o título simbólico do primeiro turno. Ainda quebrou um recorde do próprio Flamengo: pela primeira vez um time seguiu invicto após as 17 primeiras rodadas de campeonato. No geral, são 32 jogos invictos.

Na estreia de Diego Alves e arbitragem de Ricardo Marques Ribeiro (MG), quem roubou a cena foi o bandeirinha Pablo de Almeida. Aos 10 minutos, ele anulou bem equivocadamente um gol de Jô, que recebeu bola de Maycon atrás da linha da mesma (cerca de 3 metros), o que configura gol legal. O erro grosseiro, contudo, não desestabilizou o Timão, que seguiu melhor neste primeiro tempo. Não demorou muito para o mesmo Jô marcar de novo, agora sim, fazendo 1x0. Méritos do paraguaio Balbuena, que roubou a bola de Guerrero e deu passe açucarado. Se não houvesse o erro do auxiliar, Jô teria ultrapassado Lucca na artilharia do campeonato. Agora ambos tem 10 gols cada.

No segundo tempo, a situação foi inversa. O Fla passou a jogar melhor e atacar mais, sempre nos contragolpes e nas armas das bolas aéreas. Diante da insistência, foi premiado com um golaço de voleio do zagueiro Rever, que superou Cássio e empatou o jogo. Logo depois, quase veio a virada: Diego perdeu um gol incrível, com o goleiro praticamente vencido. No fim do jogo, Jô ainda tentou desempatar, mas Diego Alves fez sua primeira grande defesa com a camisa flamenguista, salvando o empate. E ficou nisso. Os dois times voltam a campo quarta. O Timão joga contra o Galo no Mineirão, enquanto o Mengo permanece em São Paulo, para enfrentar o Santos novamente, agora no Pacaembu.

Jogo tenso para ser um árbitro de futebol, não é?

GRÊMIO E SANTOS TAMBÉM EMPATAM DUELO DIRETO E AJUDAM CORINTHIANS - O Timão, apesar de prejudicado pelo erro do bandeirinha, pôde celebrar o título do turno discretamente. Tudo porque outro duelo direto da rodada terminou no mesmo 1x1. Gremistas e santistas fizeram um duelo parelho com gols no final da primeira etapa. David Braz fez para os praianos e na sequencia Fernandinho marcou em rebote de Vanderlei, que para variar trabalhou bem com ótimas defesas.

O segundo tempo foi mais nervoso, com cartões distribuídos para todos os lados. Sobrou pior para Edilson, que no fim do jogo empurrou Thiago Ribeiro de forma proposital, sendo expulso. Uma confusão de empurra-empurra se instaurou em campo, e vários outros jogadores foram amarelados, como Geromel e Lucas Lima. No último lance, Vanderlei garantiu mais uma defesa para salvar o empate. Os gaúchos foram a 33 pontos, contra 31 dos santistas.

NA REESTREIA DE VÁGNER MANCINI, FERNANDO MIGUEL BRILHA E VITÓRIA SEGURA CRUZEIRO - Menos de um ano depois da última passagem, Vagner Mancini retornou hoje ao comando do Vitória para sua terceira passagem. E o começo foi positivo, com um importante empate sem gols fora de casa, diante de um Cruzeiro que pressionou até não poder mais. O nome do jogo foi o goleiro Fernando Miguel, que salvou o time baiano com pelo menos quatro grandes defesas, em chutes de curta distancia. Sem falar que o rubro-negro ainda teve pênalti não marcado, após mão na bola de Ariel Cabral. Agora estão com 13 pontos na vice-lanterna, enquanto que a Raposa fica no meio da tabela. O Vitória recebe a Ponte Preta na próxima rodada, enquanto que o Cruzeiro enfrenta o Vasco no Raulino de Oliveira.
Lembrando que Ponte Preta x Fluminense foi adiado para 9 de agosto.

Raulino que será palco do jogo de encerramento da rodada 17, onde os vascaínos recebem o Atlético-PR, no primeiro dos seis jogos que irá cumprir no estádio, por determinação da perda de mando de campo.
corinthians-ainda-invicto-depois-da-rodada-do-fim-de-semana